Muitas pesquisas comprovaram que o poder do café vai além de despertar o organismo, e que a cafeína pode trazer benefícios para a saúde e combater doenças. Uma das novidades ligadas ao consumo do cafezinho diário é que ele pode ser estimulante para a regeneração celular, e externamente pode combater a calvície.

Estudos da Universidade de Lübeck, na Alemanha, comprovaram o poder da cafeína em estimular o crescimento do cabelo, e ainda obter mais tempo de vida ao couro cabeludo. Outra pesquisa comandada por Adolf Klenk, diz que: “A cafeína aumentou o alongamento do eixo do cabelo, prolongou a duração do anágeno e estimulou a proliferação de queratinócitos da matriz do cabelo.” E que os melhores resultados, se voltam às mulheres, devido as HF femininas possuirem mais sensibilidade à cafeína.

Segundo a Revista Britânica de Dermatologia, uma equipe de pesquisadores, fizeram a descoberta de que a penetração folicular da cafeína aplicada topicamente via formulação de shampoo, contrabalançaram o efeito da testosterona e estimularam o crescimento do cabelo. Obtendo também resultados positivos para o sexo feminino, mas quando usado de forma mais diluída do que no caso masculino.

A alopecia androgenética não tem cura, mas sim tratamentos. Ela pode afetar ambos os sexos, e é fortemente determinada por nossa genética. Portanto, a cafeína atuará quando a pessoa possui fortes indícios de calvície, mas se houve grande perda capilar, não será eficiente.

Logo, os resultados são os mais positivos possíveis, e podem trazer muitos benefícios para quem já se preocupa em prevenir a calvície.

Máquinas de Café em São Paulo